Dois mortos: usaram helicóptero para ‘passar’ principais nomes do crime organizado no Brasil

0

Os principais nomes da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) fora dos presídios, de acordo com a Polícia Civil de do Estado de São Paulo, Rogério Jeremias de Simone, conhecido como Gegê do Mangue, e Fabiano Alves de Souza, chamado de Paca, foram mortos a tiros em suposta emboscada em Aquiraz, Região Metropolitana de Fortaleza.

De acordo com jornal O POVO Online informou, as mortes, na tarde deste sábado (17) até então, a Secretaria da Segurança Pública do Ceará não havia repassado a identificação dos corpos.

As informações foram confirmadas ao portal G1 pelo promotor Marcio Sérgio Christino. De acordo com ele, os dois eram foragidos da Justiça de São Paulo e líderes da facção criminosa.

Sobre o assunto

Testemunhas afirmam que corpos encontrados em Aquiraz foram deixados de helicóptero

Segundo o Ministério Público, Gegê do Mangue era, atualmente, o número um na escala da chefia do PCC, e Paca era outro líder da facção. Moradores relatam que um helicóptero teria efetuado voos em baixa altitude e os ocupantes efetuaram os disparos. O fato ocorreu na última quinta-feira, 15.

Os corpos foram encontrados perto da Lagoa da Encantada, por um jovem que colhia frutas. O local é de mata fechada, sem acesso via estrada. O homem chamou a Polícia, que iniciou o trabalho de perícia.

A Polícia e o Ministério Público trabalham com a hipótese de que eles foram vítimas de uma emboscada de organização criminosa rival. A suspeita é que os dois estavam atuando pelo PCC no Paraguai e na Bolívia, coordenando importação e exportação de armas e drogas para o Brasil.

Deixe uma resposta