Aos 80 anos, mulher é assassinada e queimada pelo marido; ela é a 10ª vítima de feminícidio na Capital 

0
William Leite / Top Mídia

Aos 80 anos, Dulci da Silva Martinelle foi assassinada e queimada pelo marido na noite deste domingo (29), na casa onde moravam no bairro Tarsila do Amaral, em Campo Grande. Ela é a 10ª vítima de feminicídio na Capital neste ano. 

Conforme as informações, horas antes de cometer o crime, Vicente Mendes de Campos, 76 anos, se desfazia de alguns móveis e objetos da casa, doando ou oferecendo para venda. 

O incêndio ocorreu por volta das 19h, bombeiros foram chamados e encontraram Dulci já morta. Tinha queimaduras pelo corpo. Familiares relataram à polícia que Vicente tinha muito ciúme da vítima com quem compartilhava o mesmo teto há 10 anos. 

Vicente inalou fumaça e por isso precisou ser levado para atendimento na Santa Casa, onde permanece internado sob escolta policial. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui