Bolsonaro destaca ações de segurança e a força do agronegócio ao inaugurar estação de radar em Corumbá

0

O presidente da República Jair Bolsonaro destacou a parceria do governo federal com Mato Grosso do Sul na área de segurança pública, ao citar as apreensões recordes de entorpecentes, durante a sua visita a Corumbá, nesta terça-feira (18). O presidente inaugurou a nova estação radar de controle do espaço aéreo de baixa altitude, como parte do projeto de aprimoramento do sistema de vigilância na fronteira do Brasil com o Paraguai e a Bolívia,

 

O presidente também enfatizou a força do agronegócio brasileiro, responsável pela alimentação de 1 bilhão de pessoas – onde o Estado participa com safras recordes de grãos – e elogiou o desempenho da ministra da Agricultura, Tereza Cristina, representante de Mato Grosso do Sul na sua equipe ministerial. “A ministra é orgulho do agronegócio não apenas desse Estado, mas do Brasil. Parabéns pelo seu trabalho maravilhoso”, disse.

Moradores foram acompanhar de perto a visita do presidente Bolsonaro à cidade

Ao lembrar da sua convivência com o governador Reinaldo Azambuja quando ambos eram deputados federais, Bolsonaro recordou-se do período em que residiu na cidade de Nioaque, onde prestou serviço militar por três anos. “Mato Grosso do Sul mudou a minha vida, por isso é sempre um prazer vir aqui. Fui para Nioaque para passar um ano e meio e fiquei três anos por livre e espontânea vontade”, frisou.

 

Fronteira terá 3 radares

 

Bolsonaro desembarcou às 10h no aeroporto internacional de Corumbá, onde foi recepcionado pelo governador Reinaldo Azambuja e outras autoridades civis e militares. Quebrando o protocolo, dirigiu-se ao alambrado do aeroporto, onde centenas de pessoas com bandeirolas acenavam. Na sequência, autorizou a entrada de seus seguidores na pista do aeroporto. Cerca de 400 pessoas assistiram ao evento, ao lado da grande tenda instalada.

 

 

Moradores foram acompanhar de perto a visita do presidente Bolsonaro à cidade

O presidente acionou a ativação da estação de radar e assistiu de um telão, com os demais convidados, a simulação de uma intercepção realizada por aviões Super Tucano da Força Aérea Brasileira (FAB) a uma aeronave irregular a 1.500 pés, altitude até então não rastreada pelo Sistema de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro (SISCEAB). Posteriormente, ocorreu nova simulação, com os caças e o avião interceptado aterrizando no aeroporto de Corumbá.

 

A entrada em operação da estação de controle – estão previstas unidades também em Porto Murtinho e Ponta Porã, que fazem fronteira com o Paraguai -, visa potencializar a identificação de aeronaves voando em baixas altitudes na extensa fronteira seca de Mato Grosso do Sul. A tecnologia trazendo benefícios operacionais tanto para o controle civil quanto para a defesa aérea, aumentando a capacidade de detecção de tráfegos não autorizados ou de emprego ilícito.

 

 

Projeto prevê instalação dos radares também na fronteira com o Paraguai

“Estamos constantemente buscando novas soluções e tecnologias para melhorar o trabalho prestado ao país dentro das nossas ações de controlar, defender e integrar 22 milhões de quilômetros quadrados”, disse o comandante da Aeronáutica, tenente-brigadeiro do ar Antônio Carlos Morelli Bermudez.

 

Guavira, pedido do presidente

 

Ao final da solenidade, que durou cerca de uma hora, o presidente da República dirigiu-se novamente à plateia que o assistia ao lado da tenda, abraçando as pessoas e fazendo selfies. Ele permaneceu no pátio por 25 minutos, ao lado do governador Reinaldo Azambuja e demais autoridades convidadas, seguindo depois para o almoço, serviço em um espaço improvisado no saguão do aeroporto para apenas 60 pessoas.

 

O menu do almoço incluiu pratos da gastronomia sul-mato-grossense, como peixe a ucurum, carne soleada na manteiga de garrafa, coxinha de jacaré de cativeiro e croquete de pintado. Na oportunidade, o governador Reinaldo Azambuja presenteou o presidente com guavira em fruta e popa e compotas em geleia e tempero. Bolsonaro ganhou também exemplar do livro “Guavira – Receitas e Histórias – dos chefs Paulo Machado e Letícia Kranse.

 

Acompanharam o governador no evento os secretários Eduardo Riedel (Governo e Gestão Estratégica), Jaime Verruck (Semagro, Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) e Antonio Carlos Videira (Segurança Pública e Justiça).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui