Com salário de R$ 27 mil, Marun é reconduzido por Bolsonaro ao Conselho da Itaipu

Nomeações de ex-ministro de Temer e de José Carlos Aleluia (DEM-BA) foram publicadas no 'Diário Oficial da União'. Remuneração mensal é de R$ 27 mil

0

O ex-deputado federal e ex-ministro da Secretaria de Governo do presidente Michel Temer (MDB), Carlos Marun (MDB/MS), foi reconduzido ao cargo de conselheiro da Itaipu Binacional por, Jair Bolsonaro (sem partido).

Além dele, o atual presidente da República nomeou o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque e renomeou o ex-deputado e delatado da Odebrecht José Carlos Aleluia (DEM-BA) para os mesmos cargos com remuneração mensal é de R$ 27 mil para cada um deles.

De acordo com o portal G1, as nomeações foram publicadas em edição extra desta sexta-feira (15) do “Diário Oficial da União” e assinadas por Bolsonaro e o próprio ministro de Minas e Energia.
Além de Marun e Aleluia, também foram reconduzidos aos cargos de conselheiros Célio Faria Júnior e Wilson Pinto Ferreira Junior.
As nomeações valem até maio de 2024.

Desde que foi nomeado pelo ex-presidente, Marun, que era tratado anteriormente como ‘fiel escudeiro’ de Temer, vivia batalha judicial perante a sua permanencia ou não no cargo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui