Coronel David requer providências do Ministério Público para que autor de feminicídio seja preso

0
113

O deputado estadual Coronel David (PL), presidente da Comissão de Segurança Pública e Defesa Social na Assembleia Legislativa, cobrou providências por parte do Ministério Público para garantir que Williames Monteiro dos Santos, acusado de assassinar sua esposa, Andressa Fernandes, em Campo Grande, seja responsabilizado de acordo com a lei, devido a crueldade do crime. O parlamentar expressou preocupação com a soltura do suspeito, durante a audiência de custódia, sendo colocado em liberdade assistida com uso de tornozeleira eletrônica.

“A tornozeleira não garante segurança a ninguém. Dadas as evidências claras de autoria e a gravidade do crime, o acusado deveria permanecer preso durante o a investigação, por conta da autoria já confirmada”, declara coronel David.

Já nesta terça-feira (23), o deputado solicitou ao procurador-geral de Justiça, Alexandre Magno Benites de Lacerda, informações sobre a existência de recursos e demais medidas jurídicas relacionadas ao caso.

De acordo com as informações, o crime aconteceu em frente à filha do casal, que chegou a pedir ajuda aos familiares em um grupo de mensagens.

Testemunhas afirmam que o assassinato ocorreu após uma briga, durante a qual o acusado teria atropelado intencionalmente a esposa, arrastando-a por alguns metros, tendo atropelado a vítima por mais de uma vez.

“Meu posicionamento é em defesa da ordem pública e da garantia do cumprimento integral da lei, especialmente no que diz respeito à proteção das mulheres”, finaliza o deputado.

Coronel David requer providências do Ministério Público para que autor de feminicídio seja preso