Estudantes brasileiros que viviam no Paraguai são repatriados e retornam ao estado do Pará

0

Universitários brasileiros que estudam medicina na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero-PY, Departamento de Amambay (equivalente à Estado no Brasil) estão deixando na data de hoje, 17/04/2020, o país vizinho que faz fronteira seca com a cidade de Ponta Porã-MS, em ônibus da empresa Liderança e seguirão com destino à cidade de Tucumã-PA.

Segundo o líder dos universitários, pastor Gildásio, que também é pai de aluno, foi protocolado um ofício ao prefeito da cidade de Tucumã-PA, descrevendo a questão da repatriação dos estudantes brasileiros no Paraguai, que tiveram as suas aulas presenciais suspensas devido ao fechamento dos pais vizinho que ocorreu em razão da emergência de saúde humana de importância internacional, a Covid-19.

Para que ao termino da curva de infestação da pandemia, os alunos possam retornar novamente ao Paraguai para continuarem seus estudos. Gildásio está orientando os pais de alunos, através de um grupo de whattsApp fechado, informando tanto aos pais como aos alunos,e incentivando os mesmos para que mantenham suas pensões e mensalidades das universidades em dia no Paraguai, pois, segundo ele, não está havendo trancamento de matrículas, salvo dois alunos que estão cursando o ultimo ano de medicina.

Gildásio agradeceu em nome dos estudantes universitários, a hospitalidade do prefeito de Ponta Porã-MS, Hélio Peluffo Filho-PSDB, o apoio incondicional do Cônsul do Brasil no Paraguai, Vítor Hugo Irigaray e ao então Sec. Mun. de Seg. Pública Marcelino Nunes de Oliveira, atual vereador-PDT, por terem sempre estado dos lado dos estudantes colaborando com eles, durante todo o período em que estiveram aqui nas cidades gêmeas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui