Guarda Municipal acaba com baladinha clandestina envolvendo adolescentes suposto militar

0

A Guarda Civil Metropolitana acabou com mais uma festa clandestina na madrugada deste sábado (10) que reunia homens, mulheres e menores em uma casa no Jardim Campo Nobre, em Campo Grande.

 

De acordo com o boletim de ocorrência, o evento clandestino e que desrespeitava as normas de biossegurança, tinha pelo menos 65 pessoas com a presença de menores de idade, usando narguilé e bebida alcoólica.

 

Na chegada da Guarda ao local do evento, o segurança explicou que um dos organizadores não estava no momento, mas que o DJ poderia conversar com eles. O rapaz, de 25 anos, disse aos guardas que era militar do exército, mas não apresentou documento da corporação, logo depois, fazendo um pequeno showzinho para não ir até à delegacia.

 

“Quero ver quem manda mais, um federal ou vocês guardas municipais”, disparou o DJ que chegou a zombar da autoridade dos guardas. Depois de muita conversa, o jovem decidiu ir até à delegacia, após a explicação de que estava sendo desrespeitado o decreto contra a covid-19, toque de recolher e risco de disseminação da covid-19 pelo fato da aglomeração.

 

As pessoas que estavam na festa, ao verem a encrenca, decidiram ir embora, inclusive os menores que estavam consumindo bebida na festa.

 

O caso foi registrado como infração de medida sanitária na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol.

Deixe uma resposta