Mesmo com a pandemia, PM forma 386 novos soldados e reforça apoio de Coronel David

0

Os novos soldados foram aprovados no último concurso público realizado em 2018

Marcada pela determinação e coragem, a cerimônia de formatura dos 386 novos soldados da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, realizada nesta quarta-feira (12), no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, com transmissão ao vivo pela internet, reforçou a importância da união em um momento único da história mundial, a pandemia da covid-19.

Quando quase tudo parou, a PMMS se manteve firme, trabalhando 24 horas por dia e formando novos profissionais para levar segurança à comunidade. Representando a Assembleia Legislativa durante o evento, o deputado estadual Coronel David (sem partido) enfatizou que mesmo diante das dificuldades trabalhou incessantemente junto ao Governo do Estado para que esse dia fosse possível.

“Mesmo diante da pandemia, nós iniciamos junto com o secretário Eduardo Riedel a luta para que apesar desse problema que atinge todo o mundo pudéssemos contemplar a Polícia Militar do Mato Grosso do Sul com novos homens e mulheres para ampliar seu efetivo tão necessário e para que pudéssemos cumprir todas as atribuições inerentes a nossa instituição”, destacou o parlamentar.

Os novos soldados foram aprovados no último concurso público, realizado em 2018. Eles ingressaram no Centro de Ensino, Formação e Aperfeiçoamento de Praças (Cefap) no dia 2 de março de 2020. Por conta da pandemia, o curso chegou a ficar paralisado por um período, mas foi readequado e teve prosseguimento com aulas na modalidade semipresencial e a adoção de medidas de biossegurança.

“E o senhor Governador Reinaldo Azambuja, junto com o secretário Eduardo Riedel tiveram a coragem suficiente de no momento que ainda inspirava muitas dúvidas, porque era o início da pandemia, muito não se sabia a respeito, mas tiveram a coragem e sempre olhando as necessidades da Polícia Militar, mesmo assim autorizaram o início do curso, que depois teve uma breve parada, mas que foi retomado logo em seguida e que nos permite hoje estar aqui nesse momento tão feliz e tão emocionante vendo a formação de novos 386 policiais militares”, concluiu o Coronel David.

A 35ª Turma do Curso de Formação de Soldado recebeu o nome de Luís Felipe Ferreira da Silva Amaral (em memória). Filho do comandante do Cefap, o tenente-coronel Amaral, Luiz Felipe faleceu em 11 de fevereiro deste ano. O jovem era portador de distrofia muscular, uma síndrome rara que provoca degeneração progressiva e irreversível dos tecidos musculares. A expectativa de vida estimada pela medicina era de quatro anos de idade, mas ele viveu até os 19 anos e, apesar das limitações motoras, chegou a ser acadêmico de Jornalismo.

Coronel David encerrou dizendo, “eu completarei 35 anos de formado, quando fui declarado Aspirante a Oficial da PM na Academia de Formação de Oficiais do Barro Branco, em São Paulo (SP), e iniciando assim a minha carreira, que tive a honra e a felicidade de terminar na polícia militar cumprindo uma responsabilidade muito grande e sendo seu Comandante Geral. E hoje como parlamentar eu sei da responsabilidade que me cai sobre os ombros de naquela Casa Legislativa onde se decide o destino do povo do Mato Grosso do Sul junto com o Poder Executivo tão bem comandado por Vossa Excelência, nós temos sempre esse olhar para a segurança pública do MS como um todo, mas em especial a PMMS. E dizer aos novos formandos: é uma profissão altamente complexa, que exige conhecimento técnico, exige experiência, que é adquirida no dia a dia nas mais diferentes situações. O policial militar se vê à frente, resolvendo discórdias, se colocando como representante do Estado e fazendo com que a paz social possa retornar para o seio da sociedade”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui