Na Fronteira: pela primeira vez ‘Ponta’ faz prova escrita para selecionar professores

0

Mais de 1.490 candidatos participaram neste domingo (17/12) da prova escrita para seleção de professores por tempo determinado que serão contratados em 2018 pela Prefeitura Municipal de Ponta Porã. A expectativa é que pelo menos 300 sejam convocados para ministrar aulas em substituição na Rede Municipal de Ensino.

“Com essa prova a gente passa a valorizar o conhecimento, as competências e habilidades dos candidatos, usando um critério justo e que corresponde às necessidades de uma educação municipal de maior qualidade”, avaliou o prefeito Hélio Peluffo ao visitar os locais das provas.

É a primeira vez que a Prefeitura de Ponta Porã realiza esse tipo de seleção. Antes, os professores eram convocados pelos mais diferentes critérios, técnicos e políticos, inclusive por indicações que nem sempre correspondiam às reais necessidades das escolas.

As provas foram elaboradas pela Faculdade Magsul e a ordem de classificação será observada no chamamento dos professores convocados em 2018. A secretária de Educação, Maria Leny Antunes Klais, se diz otimista com os resultados, uma vez que houve uma média de cinco candidatos por vaga. “Muita gente nova se apresentou o que vai proporcionar uma seleção eficiente de professores convocados”, finaliza a Secretária da pasta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui