Pesquisa aponta possível imunização contra a Covid-19 por aqueles que já tiverem outros coronavírus

0

Segundo o jornal Metrópoles, pesquisa da revista Science publicada ontem (4) pode ajudar na compreensão de como o organismo reage ao novo coronavírus.

Estudo realizado pelo Instituto La Jolla de Imunologia, nos Estados Unidos, em parceria com as universidades da Califórnia, da Carolina do Norte e de Murdoch, na Austrália, revela que há possibilidade de pessoas que já tiveram infecção por outros coronavírus podem estar protegidas contra o Sars-CoV-2. Os outros vírus conhecidos são responsáveis, normalmente, por gripes leves.

Como aponta Metrópoles, os pesquisadores estudaram amostras de pessoas que não tiveram Covid-19 dos Estados Unidos, Holanda, Reino Unido, Alemanha e Singapura. Entre 20% e 50% dos participantes (amostras de cada país foram analisadas separadamente, o que explica o intervalo) tiveram reação significante das células T quando expostos aos peptídeos correspondentes à sequência genética do Sars-CoV-2. Os testes foram feitos em laboratório.

A teoria exposta pelos cientistas é que o corpo tem uma memória da resposta imunológica contra outros coronavírus com genes semelhantes aos do responsável pela Covid-19. Essa tese explicaria por que algumas pessoas infectadas desenvolvem sintomas muito leves, enquanto outras podem morrer em decorrência da doença, e afetaria a eficácia das vacinas contra a Covid-19. Ainda são necessários textes para a comprovação.

 

 

Imagem: Yanka Romão/Arte Metrópoles

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui