Polícia Civil prende autor de homicídio em menos de 24 horas em Dourados

0
47
Polícia Civil prende em flagrante irmãos que furtavam e receptavam peças de moto do DETRAN e desmantela associação criminosa em Vicentina

No último sábado (24), a Polícia Civil, por intermédio do Setor de Investigações Gerais (SIG) e da Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário da cidade de Dourados, localizou e prendeu autor de homicídio ocorrido no dia 23/02/2024. Conforme apurado, um homem teria invadido uma residência localizada nas imediações da Vila São Braz e atentado contra um casal com golpes de foice, tendo ceifado a vida de um dos moradores.

Ante o conhecimento dos fatos, os policiais empreenderam diligências imediatas visando identificar as circunstâncias, oportunidade em identificaram que a vítima fatal, Jose Gregório, seria casada com a irmã do suspeito. Após diligências empreendidas no Hospital da Vida para ouvir a sobrevivente das agressões, apurou-se que, em razão de uma discussão havida entre familiares, o autor invadiu a residência do casal logo no início da manhã do dia 23/02 para se vingar de uma desavença, tendo desferido diversos golpes de facão contra seu cunhado, ceifando sua vida e evadindo-se logo em seguida.

Diante disso, durante todo o dia 23/04/2024, várias diligências foram empreendidas visando identificar mais desdobramentos relevantes, em especial a provável localização do autor, oportunidade em que se levantou que o autor já teria um mandado de prisão em seu desfavor igualmente pela prática de outro crime de homicídio, encontrando-se, portanto, foragido da justiça. Após buscas empreendidas em diversos pontos, nas primeiras horas do dia 24, os agentes obtiveram a informação de que o autor estaria rondando nas proximidades da Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário, oportunidade em que foi procedido contato com a equipe plantonista, que se deslocou à localidade e efetuou a prisão do indivíduo de 34 anos apontado como o autor dos eventos.

Ato contínuo, também foi representado ao Judiciário para a concessão de mais um mandado de prisão em desfavor do conduzido, em razão de sua elevada periculosidade, sendo a medida deferida e imediatamente cumprida pelos policiais responsáveis.

Fonte: Policia Civil MS