Reunião com Bolsonaro: Azambuja será porta-voz de governadores em videoconferência

0

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), falará sobre as demandas dos governadores durante a videoconferência com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), nesta quinta-feira (21).

Reinaldo e o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), foram escolhidos para serem os porta-vozes dos governadores na reunião de logo mais. Na pauta, a ajuda federal a estados e municípios e a necessidade de critérios científicos para a adoção de medidas de enfrentamento ao novo coronavírus.

Sobre a ajuda financeira, o governador de Mato Grosso do Sul destaca a necessidade da urgência da sanção presidencial. “O que nós vamos pedir a ele [Jair Bolsonaro]? A sanção do projeto de lei de apoio aos estados e municípios. A questão da decisão de veto é presidencial, mas o apoio aos estados e municípios é crucial. Nós vamos ter perda projetada para o ano de 2020 que deve ultrapassar R$ 1 bilhão e a proposta de ressarcimento é de R$ 620 milhões”, contou.

Reinaldo ainda afirmou acreditar na sanção do projeto como resultado da “sensibilidade e construção coletiva” entre Câmara, Senado e equipe econômica do governo federal. “Acredito que o presidente, após essa audiência com os governadores, vai sancionar esse projeto”, disse.

A reunião começará às 10 horas (horário de Brasília).

Deixe uma resposta