Sunday bloody sunday: guerra em presídio deixa dez mortos no Paraguai

0
44

Guerra entre facções durante motim na penitenciária de San Pedro, Paraguai, próxima ao município de Paranhos, no Mato Grosso do Sul, deixa, segundo informações, 10 mortos entre eles um integrante do PCC e oito internos feridos até o momento, mas não se descarta que o número de vítimas seja maior.

O fato foi registrado nas primeiras horas da tarde de domingo (16) quando funcionários da Penitenciária do estado de San Pedro alertaram os agentes anti motim e a Polícia Nacional do Paraguai sobre a situação no interior do presidio, onde informações indicam que um integrante do PCC (Primeiro Comando da Capital) teria sido executado com mais 08 internos e oito internos se encontrariam feridos, mas a direção do presídio não descarta que o número seja ainda maior devido a que foi ouvido disparos de arma de fogo no interior do presidio.

Agentes da Polícia Nacional do Paraguai chegaram ao local por volta das 13:00hs, e mantém uma tensa negociação a fim de ingressar ao interior do presídio e retirar os feridos, informações ainda indicam que os internos utilizaram armas artesanais, mas no interior do presidio se encontraría inclusive armas de fogo, a guerra teria se iniciado entre integrantes do PCC e integrantes do Clã Rotela, segundo o chefe de polícia comissário Victor Valbuena, que manifestou ainda que algum dos mortos foram decapitados.

Segundo informações, as vítimas seriam:

– Cristian Domínguez
– Derlis Silva
– Roberto Presentado
– Pedro Duarte
– Roque Ariel Lugo
– Bruno Cuttier
– Roberto Morales
– Víctor Olmedo
– José Osorio
– Derlis Sánchez

A direção do presídio deverá divulgar nota nas próximas horas.