Suspeito de “abastecer” detentos com drogas e celulares, agente penitenciário é pego no flagra pelos próprios colegas

0

Agente penitenciário, de 60 anos, foi preso ontem (19) com maconha, cocaína e aparelhos celulares dentro do Presídio de Segurança Média de Três Lagoas. A suspeita, segundo a polícia, é que ele favoreceria presos da unidade penal.

Conforme o delegado responsável no caso Marcilio Ferreira Leite, colegas de trabalho do agente perceberam o momento em que ele deixou uma caixa de papelão em sala que geralmente fica trancada, na entrada no presídio. Ao verificarem do que se tratava, encontram o material ilícito.

“Foram apreendidos cerca de três quilos de maconha e cocaína, além de três celulares com carregadores. Diante do flagrante o funcionário foi preso pelo tráfico de drogas e favorecimento real impróprio”, disse a autoridade policial.

Ainda conforme o delegado Marcílio, o funcionário público tem cerca de 18 anos de carreira na Segurança Pública e não tinha passagens pela polícia. Em depoimento, ele preferiu se manter em silêncio.

Por meio da assessoria de imprensa, a Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) informou que foi instaurado pela Corregedoria procedimento administrativo disciplinar para apurar a conduta do funcionário.

 

Laura Holsback

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui