Vídeo: tempestade registra vento de quase 100km/h e deixa destruição em MS

0

A chuva que cai em praticamente todo o Estado de Mato Grosso do Sul nesta segunda-feira (26), além de grande volume em algumas cidades, registrou ventos que chegaram a quase 100 km por hora, resultando em grandes destruições.

A velocidade foi registrada em Dourados, onde a prefeita Délia Razuk (sem partido) declarou situação de emergência. Por lá, a tempestade arrancou coberturas, derrubou árvores, destelhou casas e provocou queda de energia por horas.

De acordo com o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CEMTEC/MS), em Caarapó os ventos foram de 81 km/h e até o fim da manhã havia chovido 16,2 mm. Em Itaporã e Aral Moreira também tiveram ventos fortes, de 74,52 km/h e 71,64 km/h, respectivamente.

Em Itaporã, vídeo mostra momento que uma cobertura da empresa Cerealista Parati é arrancada. Parte da estrutura que cobria o local destinado para a descarga dos grãos foi levada pela ventania.

A instabilidades de hoje se deve ao avanço de uma frente fria com suporte em altos níveis, onde se observa um amplo cavado que se estende até o Centro-Oeste.

Campo Grande também está debaixo de água desde o meio da manhã e, conforme prognóstico, as áreas de instabilidades se fortalecerão durante esta semana. A semana começa com temperaturas variando entre 17 °C a 36 °C até quinta-feira (29) no Estado. Na sextafeira (30), as temperaturas poderão ter uma ligeira queda com variação estimada entre 11 °C e 28 °C em Mato Grosso do Sul.

Em caso de ventos fortes:
1. Não estacionar embaixo de árvores, placas de propaganda e torres de transmissão, pois há risco de queda. Em caso de chuvas fortes: 1. Jamais permita que alguém suba nos telhados após a chuva, há risco de queda; 2. Não enfrente pontos de alagamentos ou enxurradas temporárias, procure rotas alternativas; 3. Se estiver no trânsito, procure lugar seguro e espere a chuva passar. 4. Caso não conseguir, dirija sempre devagar, acenda farol baixo, mantenha distância de veículos a sua frente.

Em caso de raios:
1. Evite estar em local aberto; 2. Não se abrigue embaixo de árvores; 3. Não esteja próximo a cercas de metal; 4. Esteja calçado; 5. Desligue eletroeletrônicos da tomada; 6. Não fique em pontos altos como morros ou topos de prédios; 7. Não se abrigue embaixo de estruturas metálicas.

Em caso de granizo:
1. Colocar papelão para forrar por dentro o para-brisa do carro. Isso evita que, em caso ocorra quebra do vidro por granizo, os cacos machuquem ocupantes. 2. Após a chuva de granizo o piso fica escorregadio, recomenda-se cuidado ao se deslocar.

Foto e vídeo: Itaporã News

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui