“Caveira”: Ex-comandante do BOPE é o novo Diretor do DOF

“Caveira” é termo utilizado aos policiais pela sua força e garra dentro da instituição

0

O Tenente-Coronel PM Wagner Ferreira da Silva assumiu, nesta terça-feira (2 de junho) a Direção do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) do Coronel PM Marcos Paulo Gimenez, que é o novo Comandante-Geral da PMMS.

 

Em razão da pandemia da Covid-19, a solenidade em Dourados foi restrita e transmitida, ao vivo, com link disponível nos sites da Sejusp e da PMMS e canais institucionais nas redes sociais.

 

Para o novo Diretor, Tenente-Coronel Wagner, a missão de assumir o DOF será um grande desafio e um privilégio. “Mas acima de tudo, é uma grande responsabilidade poder contribuir com a segurança de fronteira, ciente de que nosso trabalho importa a todo o Brasil. Neste propósito, estaremos firmemente ladeados com os homens que sustentam de maneira sacerdotal esta dura tarefa de enfrentar o crime organizado em nossas fronteiras”, afirmou em Nota divulgada pela Sejusp.

 

Currículo do novo Diretor

Tenente-Coronel Wagner Ferreira da Silva

O Tenente-Coronel Wagner Ferreira da Silva é formado em Direito; tem licenciatura e bacharelado em Educação Física; é especialista em Fisiologia do Exercício – Avaliação e Prescrição de Treinamento Físico. Fez o Curso de Formação de Oficiais da Polícia Militar no período de 1996-1998, no Estado do Rio de Janeiro; o Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais da Polícia Militar, pela Universidade de Toledo; e, Curso Superior de Polícia em Planejamento, Inteligência e Liderança na Segurança Pública, pela Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul. Possui o Curso de Operações Policiais Especiais, pelo Batalhão de Operações Especiais de Brasília, DF; Curso de Gerenciamento de Crise, pela Polícia Militar do estado de São Paulo; Gerenciamento de Locais sob Ameaça à Bomba, pela Academia Nacional do Rio de Janeiro; Curso de Operações Combinadas de Alto Risco, pela Polícia Militar de Santa Catarina; Técnico Explosivista Policial, pela Força Nacional em Brasília, DF; Paraquedismo Policial, pela Companhia Independente de Gerenciamento de Crises e Operações Especiais, da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul; e, o

Curso de Multiplicador de Policiamento de Fronteira, pelo Estado do Pará. Comandou o Grupo de Rondas Tática do Interior (Rotai) do 7º Batalhão de Polícia Militar (BPM) em Aquidauana, MS; foi Subcomandante da 4ª Companhia de Guarda e Escolta e da 2ª Companhia de Rádio Patrulha do 3º BPM em Dourados; e integrou a Equipe Nacional de Negociadores Policiais dos Jogos Pan-americanos e Parapan-americanos, no Rio de Janeiro em 2007. Foi Subcomandante e Comandante do Batalhão de Operações Especiais (BOPE/PMMS) e Comandante do Batalhão de Polícia Militar Rodoviária, cargo que deixou para assumir a Direção do DOF.

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui