Com Vacinômetro MS em operação, população pode acompanhar números de vacinados contra COVID-19 no Estado

0

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde, lança nesta segunda-feira (1º), o Vacinômetro MS, nova ferramenta traz o balanço geral sobre a quantidade de doses aplicadas nos grupos prioritários e um indicador que mede o índice de imunização em relação a população geral de MS, com base nos dados do Data SUS 2020. Esta é mais uma ferramenta que o Governo de MS oferece à população como forma de transparência nas ações de enfrentamento à Covid-19 no Estado.

Para o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, a população poderá acompanhar a situação quanto a imunização em cada município e do Estado como um todo. “O painel se torna público e apresenta os seguintes dados das vacinas: total de vacinas recebidas; a quantidade de doses aplicadas; aplicação das doses por grupos prioritários; e em breve teremos a consulta por laboratório fornecedor”.

Das 190.746 enviadas pelo Ministério da Saúde ao Estado, Corovac e Astrazeneca, já foram aplicadas 46.152 doses que corresponde 20.39% dos imunizados do grupo prioritário da primeira fase da Campanha de Vacinação Contra à Covid-19. O indicador que mostra o percentual de vacinados em relação a população geral de MS é de 1,64%.
Desta primeira fase, os trabalhadores de saúde são o maior grupo imunizado com 26.400, correspondendo a 18,91% dos vacinados. Logo depois vem os indígenas aldeados com 18.058, correspondendo a 21,72%. Idosos em Instituições 1.535, correspondendo a 45,45% e deficientes institucionalizados com 160, correspondendo a 93,57%. Os dados foram informados pelos municípios por meio de planilhas até a quinta-feira 28, às 11 horas. A publicação ocorrerá semanalmente todas segundas-feiras.

Segundo o coordenador da Coordenadoria de Tecnologia da Informação (CTEC) da SES, Marcos Espíndola de Freitas, explica que o sistema poderá sofrer mudanças à medida que o Ministério da Saúde for incluindo novos grupos prioritário na vacinação. “Estamos colhendo as informações enviadas pelos municípios vacinadores que serão úteis para a publicação. Os dados estão sendo tabulados e conferidos, ainda é preciso ter muita cautela para fazer essa conferência e fazer a recepção destas informações. Nós queremos garantir que a publicação seja a mais fidedigna possível”.

Uma segunda versão está em construção de forma simultânea, que poderá entrar em operação assim que o sistema federal apresentar maior estabilidade. “Nesta, nós teremos acesso a conexão do sistema nacional – que está em fase de testes pelo Ministério da Saúde – onde será possível saber qual dose recebida, quando e onde foi vacinado. Teremos acesso direto aos bancos de dados do sistema federal, com atualizações em tempo real”, diz Marcos.

A sistemática já é conhecida da população sul-mato-grossense que pode consultar em tempo real, por exemplo, a situação da ocupação dos leitos de UTIs ou até mesmo os dados do Prosseguir – que avalia a situação epidemiológica de cada município do Estado. Assim, o Vacinômetro MS chega como mais uma arma no enfrentamento à Covid-19 no Estado.Para acessar às informações com mais detalhes, basta ir no site www.saude.ms.gov.br – Informações Covid-19 – Vacinação. Ou direto do site Mais Saúde – http://mais.saude.ms.gov.br/.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui