Crise para uns e oportunidade para outros: motoboy comemora aumento nas entregas em meio à pandemia

0

A pandemia de Covid-19 tem revelado diversas situações negativas e positivas. Enquanto a imposição de restrições, como: isolamento social, toque de recolher e fechamento de serviços não essenciais tira o emprego de certa parcela da população, outra encara a circunstância como oportunidade e comemora o crescimento profissional. 

Este é o caso de motoboys de Campo Grande. Luiz Felipe Leite Lopes, 24 anos, atua no segmento há cerca de cinco anos, entre idas e vindas. Ele conta que em média realizava por noite 10 entregas e com as medidas para tentar frear o contágio da Covid-19, o número mais que dobrou, chegando a até 22 pedidos entregues no período noturno. “Graças a Deus a demanda aumentou. Está dando pra tirar a gasolina e o sustento. Estou vivendo das entregas hoje em dia. Rodo por toda a Campo Grande, de corredor em corredor, pra ver a família bem”, comemora. 

Luiz Felipe também faz um apelo. “Vale lembrar que hoje em dia tudo aumenta menos a taxa de entrega do motoboy que tem sido essencial nessa pandemia”, reclamou. Ele também frisa a importância de os clientes facilitarem os pagamentos. “Aproveito para pedir que as pessoas se esforcem para dar o dinheiro já trocado. Ou que façam o pagamento via pix que não tem nenhum custo a mais e evita o contato com o dinheiro e com a gente”, destaca. 

Deixe uma resposta