Força Tática prende professor de artes marciais com mais de 10 Kg de drogas em Campo Grande

0

Equipe da Força Tática da PMMS, durante ronda na noite de sábado (06), pela avenida América esquina com a rua Saldanha da Gama, avistou um rapaz caminhando na via pública com um saco preto na mão.

Ao perceber a presença da polícia, o sujeito jogou o saco no chão e continuou caminhando. Após realizado revista pessoal e nada de ilícito sendo encontrado, o comandante da viatura Sargento Boneventi pediu para que o patrulheiro voltasse e verificasse o que continha no saco preto que o rapaz acabara de jogar. Neste momento, o rapaz identificado como Bruno, professor de artes marciais, retirou o celular do bolso e bateu fortemente contra a parede vindo a danificá-lo por completo.

No saco preto jogado por Bruno, continha 5 tabletes de substância análoga a maconha que totalizou 3.030 gramas. Os policiais perguntaram a Bruno sobre a droga e relatou que entregaria a maconha que estava no saco na região da Orla Morena a um desconhecido e que teria recebido esta orientação por telefone de outro desconhecido, sendo que este seria o proprietário da droga e que nesta negociação receberia R$1.200,00, afirmando que depois que o dinheiro estivesse em sua posse, outro traficante iria a seu encontro para buscar o valor.

Bruno foi indagado se possuia mais drogas e acabou admitindo que reside bem próximo ao local da abordagem e que ali estaria mais drogas guardadas.

Os agentes seguiram para o endereço indicado por Bruno (local que funciona como academia de artes marciais), e lá  havia escondido embaixo de um balcão da cozinha, 13 tabletes de maconha que totalizou 7,015 gramas, 360 gramas de cocaína, apetrechos para o embalo, 02 balança de precisão sendo uma para poucas gramas e outra para pesar em quilos.

Sobre as drogas armazenadas, Bruno relatou que ganharia R$1.500,00 para deixar guardada em sua residência e entregaria sobre orientações telefônicas. Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao autor, que ficou agitado e teve de ser necessário o uso de algema, evitando assim o risco de fuga. A droga foi encaminhada para a DENAR.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui