Policiais civis prendem suspeito de assassinar inquilino após bebedeira em Campo Grande

0

Equipe de investigadores do Grupo de Operações e Investigações, após ser acionada pelo Centro Integrado de Operações de Segurança – CIOPS, para averiguar um corpo do sexo masculino em óbito, na rua da Saúde, bairro Chácara das Mansões, com algumas lesões aparentes, identificou um homem apresentando sangramento na face e lesões pelo corpo, nesta segunda-feira (19).

O proprietário do imóvel, de 45 anos, afirmou que no dia anterior ingeriu bebida alcoólica com a vítima, de 48, e que esta reside no imóvel que faz fundos com sua propriedade. O dono do imóvel relatou que foi dormir e ao acordar pela manhã percebeu que seu amigo ainda estava na varanda de sua casa. Ele disse ainda que posteriormente percebeu que a vítima ainda estaria inconsciente e resolveu chamar o SAMU. A unidade de pronto atendimento constatou o óbito ao chegar ao local.

Os investigadores do GOI entrevistaram o proprietário do imóvel a respeito dos fatos ocorridos no dia anterior, que disse que apenas beberam e em momento algum houve desentendimento. Em continuidade às investigações, foi localizada uma testemunha que presenciou uma briga no domingo, e relatou vários socos e chutes do autor na vítima. Ainda segundo a testemunha, a vítima ficou desacordada ao solo enquanto a testemunha, com medo, saiu do local, ficando sabendo a respeito do óbito na manhã desta segunda-feira.

O proprietário do imóvel começou a se contradizer em relação aos fatos. Em certo momento afirmava que arrastou a vítima, depois que não tinha arrastado. Além de afirmar que molhou a vítima para acordá-la, depois negou o fato.

Segundo outra testemunha, a vítima ficou bastante tempo desacordada e mesmo assim o autor não chamou atendimento médico, só veio a chamar pela manhã.

O proprietário do imóvel foi conduzido a Depac Cepol, sendo autuado em flagrante pelo crime de Lesão Corporal Dolosa Seguida de Morte.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui