As ações desenvolvidas contra o crime organizado que atua na região de fronteira de Mato Grosso do Sul, após a violenta execução do investigador Wescley Vasconcelos Dias (37) na cidade de Ponta Porã, mantém as estradas em direção as grandes capitais com rigorosa fiscalização, quando na noite de sábado (10) foi apreendida uma carreta da marca Scania, cor vermelha, placa AYI 7151, transportando uma carga de cigarro oriundo do Paraguai, além de inúmeras apreensões de produtos contrabandeados e captura de pessoas com mandados de prisão em aberto.

 

A Operação que visa elucidar a execução do policial civil Wescley Vasconcelos, também serve para ajudar a combater o tráfico de armas e drogas. Policiais civis e militares ainda permanecem com as investigações e sem prazo para terminar.

 

Com informações do site poranews

Deixe uma resposta