Prefeitura conclui pavimentação que liga o bairro Rita Vieira ao macroanel

0

A Prefeitura de Campo Grande concluiu nesta segunda-feira (23) a pavimentação dos últimos 400 metros (800 metros somando na extensão das duas pistas) da Rua Novo Estado, ligação viária do Bairro Rita Vieira (pela Avenida Rita Vieira ), com a Avenida Três Barras e o macroanel na altura do Jardim Itamaracá.

A obra que estava parada foi retomada em outubro. Foram feitas 308 viagens de caminhões ou 6.700 metros de aterro, para elevar ao nível dos antigos trilhos do trecho onde foi feita o travessão sobre o córrego. A nova via, que integra o Complexo Bálsamo, foi planejada há 10 anos para que parte dos ônibus interurbanos (as linhas que entram e saem da cidade pelas saídas para Cuiabá e São Paulo) não precisem passar pelo centro da cidade para chegar à estação rodoviária. Os ônibus poderão entrar na rua Nova Estado, seguirão pela Avenida Rita Vieira e ruas Victor Meireles, Brigadeiro Thiago e Desembargadora Marisa Lúcia Fortes.

Com a conclusão da Rua Novo Estado, de acordo com técnicos da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito ), se abre uma alternativa de acesso aos bairros localizados na saída para São Paulo para quem está na Avenida Três Barras.

Terminados os 400 metros que faltavam para a nova via chegar à Avenida Três Barras, foi concluído também o prolongamento da Avenida Rita Vieira até se encontrar com a Avenida Guaicurus. O prolongamento da Avenida Rita Vieira é o trecho inicial do novo acesso às Moreninhas, obra que o Governo do Estado vai executar e já está na fase de contratação do projeto executivo por parte da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos (Sisep).

Segundo o secretário municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, Rudi Fiorese, o investimento previsto é de R$ 3 milhões para executar 3 km de pavimentação nas avenidas de duas pistas, 800 metros na Novo Estado e 2.200 metros na Rita Vieira que já está aberta até a altura da Rua Mariza Andrade Ribeiro.

A Águas Guariroba, concessionária do serviço de água e esgoto, vai investir R$ 2,2 milhões no remanejamento para o canteiro central da adutora que hoje está no traçado da segunda pista da avenida. Esta adutora leva para os centros de reservação a água captada no Lajeado, manancial localizado às margens do macroanel.

Projeto Bálsamo

O Parque Linear do Balsamo é um projeto de 2012, orçado em R$ 55,1 milhões. Prevê a abertura de uma ligação viária de 6 quilômetros entre o anel rodoviário (no Jardim Itamaracá) e a Avenida Guaicurus, nas proximidades do Museu José Antônio Pereira. Foi necessário o reassentamento de 116 famílias em áreas insalubre, aberto o prolongamento da Rua Victor Meirelles e o acesso ao terminal rodoviário.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui