No Detran é grátis, mas cartório que abocanhar R$ 39 para comunicar venda de veículos

0

Juan Pablo Gossweiller – presidente da Anoreg-MS e Roberto Hashioka, diretor-presidente do Detran-MS

 

Na última sexta-feira, o diretor-presidente do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MS), Roberto Hashioka, assinou o termo de Cooperação Técnica com a Associação de Notários e Registradores do Estado de Mato Grosso do Sul (Anoreg-MS) e com o Colégio Notarial do Brasil (CNB-MS), para viabilizar a comunicação eletrônica da venda de automóveis pelos Cartórios.

 

Desde o dia 02 de abril, o usuário tem a opção de não ir até uma agência do Detran-MS para realizar esse procedimento. Porém, quem optar por fazer o comunicado de venda em cartório paga pelo serviço o valor de R$ 39, enquanto no Detran o serviço não tem custo, mas o recibo de venda deve estar assinado e autenticado pelo vendedor e comprador.

 

Hoje, 177 cartórios localizados em 54 municípios estão preparados para utilizar o sistema, que possibilita a alteração de maneira eletrônica, informando ao Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam) a mudança de propriedade.

Deixe uma resposta